A importância de queimar a energia dos pets.

Caindo na estrada com seu pet.
28/11/2018
Viagem aérea, e agora como transporto meu pet?
05/12/2018

Todos os cachorros precisam se exercitar, independente da raça. Algumas raças de trabalho precisam mais de gasto energético
do que as raças de companhia, contudo, todos eles necessitam de atividade física.

Os cães são animais ativos e precisam se exercitar e gastar energia. Algumas raças como os Border Collies, Australian Cattle Dogs e
os Terriers foram selecionadas geneticamente para realizarem um trabalho específico, como pastorear ou caçar.

E ao adotar essas raças como nossos amiguinhos, esquecemos que eles foram “desenvolvidos” para terem alto grau de energia.
Essa energia não gasta, vai se acumulando cada vez mais até o cão achar um jeito de dissipá-la. As maneiras mais comuns dessa energia
ser dissipada é roer ou destruir algo, latir, mostrar comportamentos compulsivos e as vezes até agressividade.
Por isso, proporcione uma rotina de atividades físicas a seu cão. Faça passeios regulares, duas vezes ao dia, todos os dias e
promova atividades esportivas caninas frequentes.

Além de atividades físicas os cães também precisam de atividade social.

Eles naturalmente vivem em grupos e precisam de interação social com os membros de sua própria espécie. A falta de atividade social pode ser
muito prejudicial não só para o cão, mas para qualquer espécie que precise conviver em sociedade, inclusive nós, humanos.
Um cão que passa por privação social pode sofrer distúrbios emocionais e psicológicos graves, demonstrando timidez,
medo excessivo ou agressividade com outros cães.

 Promova uma atividade social diária ao seu cãozinho. Leve-o para passear e tente inseri-lo ao máximo na sua rotina.

Leve seu cãozinho a padaria, cabeleireiro, restaurantes ou onde mais você for e ele puder ir junto.
Assim, vocês terão a companhia um do outro, ele vai ter uma atividade e todos sairão ganhando.

Fonte: Marcelo Eckmann (http://bit.ly/2Q3aXnb)

Compartilhe

MENUMENU